CASACORMT

História

Transformar uma casa simples em uma obra de arte arquitetônica não foi fácil nem por um segundo. Mas a chance de realizar a Casa Cor Mato Grosso perseguia o casal Emili e Vagner Giglio. Em 2000 a idéia tomou forma e a primeira edição do evento acontecia no estado.
Seguindo as normas de franquia do evento o primeiro passo seria arranjar uma casa e através de um contrato de comodato (empréstimo do imóvel), por quatro meses, projetar a casa dos sonhos. Depois escolher com cuidado os arquitetos, paisagistas e designers de interior para distribuir os ambientes e montar em dois meses mais uma edição da Casa Cor®.

Pronta e perfeita a casa que reúne o que há de melhor em arquitetura, decoração e paisagismo abre as portas por 42 dias, ao ano, para o público se deliciar com as últimas tendências do mercado.

Em Mato Grosso, a Casa Cor já está em sua quarta edição de sucesso.

2000
A sua primeira edição teve como tema "Arte Indígena", o evento aconteceu em maio no bairro Santa Rosa. Os profissionais do interior e da capital, em um total de 74 arquitetos, paisagistas e designers de interiores montaram 49 ambientes. A casa foi projetada em 1000 metros quadrados de área construída em um terreno de 3.450 metros quadrados. A exposição ficou aberta de 23 de maio a 25 de junho e foi visitada por 14 mil pessoas.
Um dos grandes destaques da primeira edição foi o Anuário Casa Cor® Mato Grosso 2000, que tinha como tema a arte indígena e foi elogiado como um dos melhores, de todos os anos da exibição no Brasil. Como todos os anos, segundo normas da franquia, parte da renda do evento foi destinada à Rede Feminina de Combate ao Câncer.

2001
No ano de 2001 a exibição aconteceu no antigo Buffet Villa d'Itália, no bairro jardim Itália, em Cuiabá. Em um terreno de 15 mil metros quadrados 63 profissionais projetaram 50 ambientes que resultaram em 4 mil metros quadrados de área construída. Durante 75 dias foi a maior Casa Cor® da história do evento o que chamou atenção não apenas dos visitantes mas também da direção nacional. O público pôde visitar a mostra no período de 21 de maio a 24 de junho de 2001 e os ambientes inovadores como Loft, Playground, Sushybar e Spa encantaram mais de 20 mil pessoas.
Ainda neste ano com a temática "Redes Artesanais de Mato Grosso" o anuário foi redigido em dois idiomas (português e espanhol). Neste caso o objetivo dos organizadores Emili, Marcelo e Vagner Giglio era facilitar o intercâmbio cultural e econômico com os países que mantém relações econômicas com Mato Grosso, como a Bolívia, Argentina, Uruguai e Paraguai.

2002
Em 2002, a edição Mato Grosso voltou para o bairro Santa Rosa, na avenida Estados Unidos 676. A mostra teve 41 ambientes idealizados por 56 arquitetos que montaram a casa dos sonhos em 2,1 mil metros quadrados em uma área total de 3,8 mil metros quadrados.
O trabalho “Cerâmico Mato-grossense” das artesãs da comunidade São Gonçalo representou o tema inspiração daquele ano. A Casa Cor Mato Grosso aconteceu no período de 21 de maio a 23 de junho e recebeu mais de 20 mil visitantes.

2003
A casa dos sonhos em 2003 foi situada na Rua das Mangueiras, número 85 bairro Shangri-lá. A criatividade rolou solta em um terreno de 2200 metros quadrados e 900 metros quadrados de área construída. A casa exibiu 31 ambientes, entre internos e externos, a cargo de 40 profissionais. Renovando o conceito de morar bem, a mostra teve três ambientes novos: a sala da família, sala de música e a volta do escritório, que só havia sido montado nas edições de 2000 e 2001.

Em 2003 os profissionais tiveram como aliado na montagem dos ambientes o tema “Sementes da Biodiversidade Mato-Grossense”. A escolha foi inspirada no trabalho dos artesãos e artistas mato-grossenses com sementes, flores, frutos, flores e outras “matérias primas”, coletadas no cerrado e na floresta Amazônica do nosso estado.


Onde nasceu a primeira Casa Cor no Brasil

No Brasil a maior exibição de decoração do país, Casa Cor®, começou pelas mãos de quem na época, 1987, nunca havia trabalhado no meio. A brasileira Yolanda Figueiredo e a argentina Angélia Rueda atuavam em áreas bem diferentes em São Paulo quando, em visita a Buenos Aires, foram procuradas pelos amigos Ernesto Del Castillo e Javier Campos Malbrán. Os dois propuseram organizar uma mostra de decoração no Brasil semelhante à Casa Foa, evento que desde 1985 vinha sendo realizado com sucesso na capital portenha. A idéia agradou e no mesmo ano os quatros se uniram no desafio de lançar a mostra para os paulistas.

Em 9 de junho de 1987 era inaugurada a primeira Casa Cor® na bela propriedade da família Forbes, no Jardim Europa. Vinte e cinco profissionais decoraram vinte e dois ambientes e 6,7 mil pessoas, na maioria senhoras da sociedade, visitaram a casa.

Hoje, quinze anos depois, Casa Cor® é exemplo de uma experiência bem sucedida. Com treze franquias no território nacional e uma no Peru, trata-se de uma exibição que movimenta, alicerça e determina os lançamentos do setor.

Desde 2001, na décima quinta edição, Casa Cor® mudou de mãos. Desde então o controle cabe a Roberto Dimbério, que representa os acionistas do Patrimônio Private Equity. Yolanda e Angélica estão felizes e confiantes: "Acreditamos que com Dimbério o evento crescerá ainda mais, ampliando seu campo de ação", concluem elas.

(Fonte site Casa Cor São Paulo)

Sitevip Internet