NOTÍCIAS

Fotografia de Fred Gustavos reforça luz e vida no ‘Grand Lounge’ de Mara Dalcanale

02/12/2018 às 17:48

Fotografia de Fred Gustavos reforça luz e vida no ‘Grand Lounge’ de Mara Dalcanale

Entre os 29 ambientes expostos na Casa Cor Mato Grosso 2018, o espaço decorado pela design de interiores Mara Dalcanale se destaca pelo tamanho, sofisticação e, principalmente, a luz – técnica essencial na busca do fotógrafo Fred Gustavos pela excelência das formas botânicas em sua nova série fine-art. Não poderia ser diferente, portanto, que a parceria entre “Grand Lounge” e “Flora et Lumen” resultasse no casamento perfeito entre arquitetura e fotografia, materializando de uma legítima obra de arte funcional.

Nos 150m² de liberdade para criar, o “Grand Lounge” se desdobra em ilha gastronômica, adega, sala de jantar, living e espaço de degustação de vinhos. Os espaços, abertos e integrados, já foram projetados por Dalcanale com a presença de uma flor capturada pelo olhar de Fred. “É justamente o que faz ‘A Casa Viva’. São obras escolhidas a dedo para estarem no ambiente, porque a arte do Fred tem beleza, profundidade e respeito pela natureza. Consegue com que as pessoas se envolvam, então tinha tudo a ver”, explica Mara Dalcanale.

Envolvimento foi, aliás, foi um dos conceitos que nortearam a funcionalidade do “Grand Lounge”, idealizado em espaços conjugados para proporcionar conforto e possibilidades de interação entre família e amigos. “Um ambiente onde as pessoas possam apreciar, juntas, as boas coisas da vida, como um bom vinho, uma boa imagem, uma boa música”, ressalta a design de interiores.

“Flora et Lumen”, por sua vez, teve contemplação comparada pelo fotógrafo e crítico Cláudio Feijó ao ato de ouvir um clássico. “É um trabalho que mostra que há graça na forma, não só na cor. É reapresentar a leitura de um objeto, não só arte pela arte. É um cantar as flores de outras formas, em movimentos totalmente sonoros e musicais, como ouvir uma música clássica. Tem a dramaticidade”, pontuou o mentor do programa Arte na Fotografia (Arte 1), no qual Fred Gustavos se destacou como finalista da 2ª temporada.

O estilo clássico é marca registrada da decoração de Mara Dalcanale, estilo pelo qual a arquiteta busca atemporalidade dos projetos desenvolvidos com o Singularité, escritório de arquitetura e decoração reconhecido do mercado pela especialidade na decoração de luxo. O negócio hoje conta com dez profissionais do ramo e é resultado de 19 anos de sociedade com o arquiteto Júlio César Ribeiro.

A parceria com Fred Gustavos, Mara Dalcanale conta ter iniciado pela identificação comum dos dois profissionais com as artes visuais. A design de interiores é pós-graduada em História da Arte e vê a união entre arquitetura e fotografia como “um casamento perfeito”, buscando sempre luz e composição de imagens em seus projetos de decoração.

“Conheci o Fred nesse universo e quando ele começou a trabalhar com fotografia e desenvolver o seu talento nas artes visuais, fui uma de suas incentivadoras. Fizemos nossa primeira parceria na Casa Cor 2016 quando eu criei o ‘Living’, um ambiente mais intimista e escuro, inspirado no público masculino, com mesa de sinuca, bar e jogos. O Fred colocou o dedinho dele e ficou perfeito. Quando eu fui desenvolver o ‘Grand Lounge’, até na escolha do nome do ambiente ele participou”, conta Dalcanale.

Entre outras parcerias como a Dimel Iluminação, Kitchens Prime, Guaporé Vidros, Italia Home e Solução Tecnologias, o “Grand Lounge” tem marcenaria desenvolvida pela Bontempo e desenhada, em todos os detalhes, por Mara Dalcanale. Os móveis soltos são da Saccaro, a adega desenvolvida junto ao Big Lar e as paredes e pisos foram vestidos pela Degrade Tecidos.

A 12ª edição da Casa Cor Mato Grosso está instalada no moderno e recém-inaugurado Shopping Estação, em Cuiabá, aberta para visitação até o dia 12 de dezembro. Horário de visitação: terça a sábado, 14h às 22h, e domingo, 14h às 20h. Os ingressos custam R$ 40 e R$ 20 (meia entrada).

Flora et Lumen

Como o próprio nome sugere, “Flora et Lumen” se refere a beleza e luz que o fotógrafo Fred Gustavos buscou, natural, para evidenciar os contornos e as formas do complexo desenho orgânico da botânica, a partir do exercício de contemplação. O artista visual investiga a sensibilidade presente no encontro de seu olhar com a espécie, experiência se soma a técnica da representação, exposição, contraluz, preenchimento, enquadramento e demais artifícios para abstrair a singela beleza do bioma que nos cerca.

A série fine-art resultou na primeira exposição individual lançada no dia 4 de outubro de 2018, no espaço A Casa do Parque, em Cuiabá (MT), onde Fred Gustavos nasceu, em 1989. A curadoria da veterana Mari Gemma de La Cruz combinou mais de dez obras inéditas que revelam uma linha tênue entre fotografia e demais artes visuais.

“Flora et Lumen” nasce em momento de guinada da carreira do jovem cuiabano que se destacou nacionalmente como finalista da 2ª temporada do reality show Arte na Fotografia e deve começar a circular o país em breve. “Estamos em processo de negociação com outras cidades e série deve entrar em circulação já no próximo mês”, revela Fred Gustavos.

Fonte: Fonte: Maria Clara de Oliveira

Sitevip Internet